sexta-feira, 30 de março de 2012

Melodia

Música. Essa palavra e tudo o que representa era o sentido de sua existência. Com ela, se expressava, chorava, pensava, ria, sentia, vivia. Fosse através de uma canção no rádio, simples notas em um instrumento, ou até mesmo os sons melódicos em sua mente. Com o pensamento aberto, um pouco de ruído já podia se tornar uma música. O simples som do vento formava combinação harmoniosa. Diziam que ela tinha o poder de transformar qualquer coisa em melodia. Quer fosse um talento, dom, ou uma habilidade adquirida com o tempo, Angélica não sabia como funcionava. Simplesmente existia. 

2 comentários:

  1. Oi Carol!!!

    Que saudade eu estava de passar por aki!
    Hj estou tentando colocar as leituras em dia. Cheguei aki de mansinho e me deparei com este texto perfeito. Estava agora a pouco comentando com uma pessoa sobre música, o quanto ela me faz bem, desde a hora q acordo até o momento em q vou dormir.

    Bjs... :)

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...